Publicado na CompliancePME em 11 de dezembro de 2023

O fundador e presidente da Binance, a maior plataforma de negociação de criptomoedas do mundo, Changpeng “CZ” Zhao, teria aceitado o acordo proposto pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos e renunciado ao cargo, segundo informações de agências internacionais.

De acordo com o Wall Street Journal, citando fontes próximas, como parte do acordo, CZ se declarará culpado das acusações de não atender exigências para prevenção à lavagem de dinheiro feitas pelo Departamento de Justiça (DoJ) e deve apresentar sua defesa em um tribunal federal em Seattle, ainda hoje.

A Binance também se declarará culpada das acusações e concordará em pagar multas no valor de US$ 4,3 bilhões.

Pelo acordo, CZ mantém sua participação majoritária na Binance, mas não poderá ocupar cargo executivo na empresa.

O acordo com o DoJ inclui processos abertos pela Commodity Futures Trading Commission (CFTC, órgão que regula o mercado futuro e de commodities), mas não abarca as acusações da Securities and Exchange Commission (SEC, a CVM dos EUA).

No sábado, em post publicado do X/Twitter, CZ comentou a saída de Sam Altman do comando da OpenAI, criadora do ChatGPT e afirmou “saber quando abrir mão do controle de uma empresa que você fundou é uma das decisões mais complicadas”.

Posicionamento da empresa

A Binance publicou um posicionamento oficial sobre os eventos em seu blog.

A empresa reconhece a responsabilidade por “violações criminais históricas de conformidade” e confirma que fechou acordo “com o Departamento de Justiça dos Estados Unidos, a Comissão de Negociação de Futuros de Commodities (CFTC, na sigla em inglês), o Escritório de Controle de Ativos Estrangeiros (Ofac, na sigla em inglês) e a Rede de Investigações de Crimes Financeiros (FinCen, na sigla em inglês) relacionados às investigações sobre questões históricas de registro, conformidade e sanções”.

O comunicado ressalta que o acordo permite que “a empresa vire a página em um capítulo desafiador e transformador de aprendizado e crescimento”. Também confirma a saída de Changpeng Zhao (CZ) da presidência que será ocupara por Richard Teng, até então diretor Global de Mercados Regionais.

“Richard é um líder altamente qualificado e, com mais de três décadas de experiência em serviços financeiros e regulamentação, conduzirá a empresa por seu próximo período de crescimento”, afirma o texto, acrescentado que, antes de ingressar na Binance, Teng esteve à frente da Autoridade Reguladora de Serviços Financeiros no Mercado Global de Abu Dhabi, diretor de Conformidade da Bolsa de Cingapura (SGX) e diretor de Finanças Corporativas na Autoridade Monetária de Cingapura.

“Aprendemos lições valiosas aplicáveis a toda a indústria em apoio aos usuários de criptomoedas. Reconhecemos que, além da conformidade, a transparência é essencial para reconstruir a confiança na indústria em meio a condições de mercado desafiadoras e má gestão do setor”, aponta o comunicado. “Aprendendo com nosso próprio passado, temos orgulho de liderar alguns dos investimentos em conformidade, segurança e transparência mais significativos quando comparados a qualquer empresa em nossa indústria.”

 

Publicada originalmente no site Valor Invest